Concerto Improvisado da Oficina de criatividade e improvisação musical

Informações do evento

Partilhar este evento

Data e hora

Localização

Localização

Museu de História Natural e da Ciência da U.Porto

81 Campo dos Mártires da Pátria

4050-368 Porto

Portugal

Ver mapa

Descrição do evento
Este concerto é o resultado de uma oficina criatividade e improvisação musical para guitarristas e baixistas, orientada por Pedro Cardoso

Acerca deste evento

Este concerto é o resultado de uma oficina de criatividade e improvisação musical para guitarristas e baixistas, orientada por Pedro Cardoso (Peixe), onde irão ser experimentadas técnicas e exercícios de criatividade conjunta, em que os participantes serão convidados a improvisar, seguindo as direções do formador.

À noite as portas serão então abertas a quem queira assistir ao resultado do trabalho realizado. Todos serão bem-vindos e ninguém saberá ao certo o que irá acontecer. É essa a magia da improvisação - a vertigem da performance sem rede.

Para mais informações sobre a oficina de criatividade e improvisação musical para guitarristas e baixistas AQUI

___________________

Sobre Pedro Cardoso:

Pedro Cardoso (Peixe) nasceu a 12 de Fevereiro de 1974 na cidade do Porto. Estudou Guitarra clássica no Conservatório de Música do Porto, guitarra Jazz na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE) e pintura na Faculdade de Belas Artes do Porto (FBAUP).Foi guitarrista da banda Ornatos Violeta, hoje considerada uma das mais importantes bandas portuguesas de sempre, marcando de forma incontornável a chamada “música moderna portuguesa” e com quem editou os álbuns Cão! (1997) e O Monstro Precisa de Amigos (1999).

Em 2002, após a separação dos Ornatos, formou a banda de rock Pluto e a banda de jazz DEP, editando em 2004 os álbuns Bom Dia e Esquece Tudo o Que Aprendeste.

2010 foi o ano da edição de Joyce Alive com o grupo Zelig e mais tarde em 2012 de Apneia, o seu primeiro álbum de guitarra solo.

Foi também o criador da OGBE (Orquestra de Guitarras e Baixos Elétricos), projeto que dirige e que conta com o apoio do serviço educativo da Casa da Música, com quem colabora regularmente quer como formador quer como músico.

Durante o seu percurso musical, colaborou com vários músicos e agrupamentos, tais como: Dead Combo, Drumming, Remix Ensemble, Carlos Bica, Maria João, Joana Sá, Adrien Utley, John Ventimiglia, Perico Sambeat e David Fonseca entre outros. Ao lado do Teatro Bruto e da encenadora Ana Luena, colaborou na criação do concerto encenado “Still Frank” e assinou a banda sonora da peça “Estocolmo” de Daniel Jonas e também de “Comida”, “O filho de mil homens” e “O amor dos infelizes” de Valter Hugo Mãe. Para cinema criou com o grupo Zelig a banda sonora de “O universo de Mya” de Miguel Clara Vasconcelos e o filme-concerto “Bucking Broadway“ de John Ford, encomenda do festival de curtas metragens de Vila do Conde.

Como compositor para outros intérpretes, escreveu a peça Três Histórias (para guitarra elétrica e percussão) para o grupo Drumming e em parceria com a compositora Ângela da Ponte criou a peça Despique para três bandas filarmónicas. Assinou também duas canções para a cantora Cristina Branco. Motor foi o seu segundo registo a solo, tendo sido editado a 9 de Março de 2015.

Entre 2015 e a atualidade criou várias bandas sonoras e desenhos de som para dança contemporânea, colaborando com André Braga e Joana Providência. Em 2019 editou com Frankie Chavez o álbum “Miramar” e voltou aos concertos com os Ornatos Violeta por ocasião dos vigésimo aniversario do álbum “O Monstro Precisa de Amigos”.

Este evento está integrado no programa NOITES NO PÁTIO DO MUSEU

Partilhar com os amigos

Data e hora

Localização

Museu de História Natural e da Ciência da U.Porto

81 Campo dos Mártires da Pátria

4050-368 Porto

Portugal

Ver mapa

Guardar Este Evento

Evento guardado